Bicentenário de Alagoas é o tema da nova edição da revista Secult em Cena

Texto de Paula Nunes

Os 200 anos de Emancipação Política de Alagoas é o tema principal da terceira edição da revista Secult em Cena. Idealizada através da Secretaria de Estado da Cultura (Secult), a revista é semestral e, nesta edição, tem como objetivo abordar a história de Alagoas, proporcionando ao leitor um amplo conhecimento do Bicentenário do Estado.

Além de informar, a produção renova a visualização do universo artístico-cultural alagoano e objetivo de fortalecer e disseminar as manifestações tradicionais de Alagoas, como explica a secretária de Estado de Cultura, Mellina Freitas, ao destacar o sucesso da revista Secult em Cena, evidenciando que, especialmente nesta edição, os alagoanos terão a oportunidade de conhecer e navegar sobre a ampla história de todo o Estado e ao garantir que a revista faz um registro da identidade e daquilo que todo alagoano deve reconhecer como seu.

“Nossas manifestações folclóricas, danças, religiosidade são nossas raízes, são a base para a construção dos caminhos que iremos trilhar. Por isso, tenho sempre frisado a necessidade de aflorar o sentimento de pertencimento no alagoano. Esta produção é uma forma de despertar o sentimento de pertencimento, mostrando para a sociedade tudo o que vem  sendo produzido no universo cultural alagoano e toda a história do nosso Estado”.

Veja também  Seagri promove primeiro Seminário de Grãos em Alagoas

Mellina Freitas enfatizou ainda que a revista reafirma o compromisso do Governo de Alagoas com o fomento e o desenvolvimento de manifestações culturais e também abrir ainda mais o diálogo com toda a sociedade.

A revista

Com diagramação do designer Leopoldo Novaes, a revista Secult em Cena apresenta um conteúdo variado, com entrevistas, artigos, reportagem e os espaços  Acervo e Gente, personagens que fazem parte da cultura local.

Fonte: Agência Alagoas

Compartilhe: