Gabinete Civil delibera sobre pautas importantes para o Conselho Estadual de Trânsito

Texto de Maria Barreiros

O Departamento Estadual de Trânsito de Alagoas (Detran/AL) hoje é referência nacional em gestão e inovação. A responsabilidade das conquistas e do empenho do órgão deve-se também ao seu conselho. Na terça-feira (18), o secretário-chefe do Gabinete Civil, Fábio Farias, excepcionalmente, presidiu a reunião ordinária do Conselho Estadual de Trânsito (Cetran) para deliberar pautas importantes no quesito trânsito e continuar beneficiando a sociedade alagoana.

Os conselheiros apresentaram pautas internas do Detran, mas também itens que irão favorecer toda a população usuária das rodovias alagoanas. Os principais assuntos abordados dizem respeito à estruturação e a necessidade de um orçamento próprio do conselho; a regulamentação das cinquentinhas; a nomeação dos últimos quatro conselheiros; a execução do regimento interno; a municipalização de trânsito e integração dos mesmos ao Sistema Nacional de Trânsito (SNT); a agilização da obra do viaduto e da própria Polícia Rodoviária Federal.

Para Farias, hoje os recursos do Detran são tratados de maneira transparente e eficaz, resultado da correta gestão do presidente do órgão, Antônio Carlos Gouveia, atendendo às orientações do governador Renan Filho.

“Agora a sociedade identifica onde os recursos do Detran estão sendo empregados, os índices positivos da segurança pública são prova disto. E no que depender do Gabinete Civil, continuaremos a facilitar o trâmite das ações, recursos e obras do órgão,” ratificou o secretário.

Veja também  Escolas da capital definem calendário para a disputa regional da etapa infantil

Segundo o presidente do Cetran e chefe de gabinete do Detran, Antônio Tenório, para que as ações continuem sendo executadas com êxito é necessário que o órgão normativo e consultivo, responsável por toda a coordenação do Sistema de Trânsito, continue funcionando corretamente.

“A reunião de hoje foi muito importante, porque o secretário Fábio Farias mostrou-se positivo em todos os itens apresentados na pauta o e os conselheiros saíram satisfeitos, já que apenas faltava o aval do Gabinete Civil para o andamento das mesmas,” ressaltou ele.

Em até 60 dias o conselho deverá reunir-se novamente para avaliar os resultados das pautas que foram deliberadas na reunião de terça-feira.

Fonte: Agência Alagoas

Compartilhe: