Mais de 19 mil alagoanos se inscreveram para Encceja 2018

Texto de Tais Albino, com dados do Inep

Mais de 19 mil alagoanos se inscreveram para o Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) 2018. A prova é voltada para pessoas que interromperam os estudos e desejam retomá-los a partir da certificação de conclusão do ensino fundamental ou médio.

Segundo dados do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pela aplicação da avaliação, só na Capital, cerca de 11 mil pessoas vão participar do exame. Em Arapiraca, mais de cinco mil se inscreveram.  Alagoas terá outros quatro polos aplicadores da prova: Delmiro Gouveia, União dos Palmares, Santana do Ipanema e Porto Calvo.

A aplicação nacional do exame acontece no dia 5 de agosto, enquanto o Encceja Exterior ocorre em 16 de setembro. No caso de pessoas privadas de liberdade, as provas acontecem nacionalmente nos dias 18 e 19 de setembro e, no exterior, de 17 a 21 do mesmo mês.

Certificação

Para ser considerado aprovado e poder solicitar a emissão do certificado, o candidato deve atingir pelo menos 100 pontos em cada uma das quatro áreas do conhecimento e a nota mínima exigida na redação. Já os participantes que não obtiverem nota suficiente em alguma área do conhecimento poderão receber o certificado parcial de proficiência.

Veja também  Município alagoano de Feira Grande recebe acesso recuperado e 25 casas

Os resultados do Encceja 2017 para certificação do ensino médio e fundamental já foram divulgados. Participantes podem requerer o certificado tanto nas Gerências Regionais de Educação (Geres), localizadas no interior do Estado, como na Seduc, em Maceió, cujo atendimento acontece na sala 13 da Escola Estadual José Correia da Silva Titara, no Cepa. Na ocasião, eles devem estar munidos dos originais e cópias da identidade e CPF, bem como do boletim de desempenho.

Fonte: Agência Alagoas

Foto: Valdir Rocha

Compartilhe: