Operação Recaptura é retomada aumentando a segurança nas ruas

Texto de Victor Costa

Mais segurança dentro e fora dos presídios. A Operação Recaptura foi retomada, desta vez, com uma participação mais efetiva da Polícia Militar de Alagoas. Diariamente, os militares seguirão as coordenadas do Centro de Monitoramento Eletrônico de Presos (CMEP), da Secretaria da Ressocialização e Inclusão Social (Seris), para fiscalizar e coibir atos ilícitos que seriam praticados por reeducandos monitorados por tornozeleira eletrônica.

Na quarta-feira (15), primeiro dia de operação, foi cumprido mandado de prisão expedido pela 8ª Vara Criminal em desfavor do reeducando Edilson dos Santos Mendonça, por prática de homicídio. A ação foi desencadeada pela equipe do Batalhão da Radiopatrulha. Todos os passos do apenado foram transmitidos pela equipe de plantonistas do Centro de Monitoramento.

O supervisor do CMEP, tenente PM Alucham Fonseca, lembra que todos os passos dos custodiados são fiscalizados 24 horas, ininterruptamente. Para assegurar o cumprimento da lei, as operações ocorrerão diariamente, em lugares e horários estratégicos, de modo sigiloso. Qualquer informação comprometedora pode ser repassada para o Disque Denúncia 181.

“Aquele que desobedecer aos horários de permanência nos locais permitidos, danificar, extraviar, romper, deixar o equipamento descarregar ou praticar algum crime será detido. As determinações do Poder Judiciário devem ser cumpridas para que o processo de ressocialização seja efetivado. Estamos atentos a qualquer movimentação dos monitorados”, afirma o tenente Fonseca.

Veja também  Secretaria de Educação lança Pacto Alagoano pelas Diversidades no dia 12

Fonte: Agência Alagoas

Compartilhe: