Policiais civis da Delegacia de Homicídios aperfeiçoam técnicas operacionais

Texto de Larissa Wilson

Policiais civis que integram a Delegacia de Homicídios da Capital (DHC) iniciaram nesta segunda-feira (28) o Curso de Alinhamento Operacional, com o objetivo de aprimorar os procedimentos e técnicas policiais.

Nessa primeira etapa, o curso conta com a participação de 13 policias, entre delegados, agentes e escrivães da especializada. As aulas estão sendo ministrados pelos agentes do Tático Integrado de Grupos de Resgates Especiais (Tigre) da Polícia Civil, Anderson Tenório Costa e Anderson Daniel Ferreira Costa.

Os policiais, durante toda a semana, terão treinamentos com noções de combate urbano e de entrada tática, na sede da Divisão Especial de Investigação e Capturas (Deic), e, para finalizar, terão instruções de tiro policial, no Clube Alagoano de Tiro Olímpico (Cato).

Para o coordenador do Tigre, Anderson Tenório, os participantes terão a oportunidade de aperfeiçoar técnicas importantes para enfrentar situações adversas do dia a dia.A iniciativa do curso foi do coordenador da DHC, delegado Fábio Costa, e contou com o apoio do delegado-geral Paulo Cerqueira, e da Academia da Polícia Civil de Alagoas (Apocal).

“Por meio desse curso pretendemos aprimorar os conhecimentos da equipe, no que se refere aos procedimentos policiais, principalmente nas ações de cumprimento de medidas judiciais”, enfatizou Cerqueira.

Veja também  Inocoop: Rui Palmeira acompanha ações do Nosso Bairro

O delegado informou ainda que outras etapas deste curso estão sendo planejadas para que todos os integrantes da DHC possam participar, e que além desse treinamento, está sendo organizado um curso especifico de investigação de homicídios, que deverá ser realizado ainda este ano.

A agente de polícia Naara Costa, que está participando dos treinamentos ressaltou a importância da iniciativa. “Para nós que trabalhamos em áreas críticas, essa capacitação nos auxilia no aperfeiçoamento da execução do nosso trabalho, como também garante maior segurança à toda equipe. ”

Fonte: Agência Alagoas

Compartilhe: