Renan Filho detalha investimentos em Alagoas em evento sobre competitividade

Texto de Da Redação

O governador Renan Filho apresentou, nesta segunda-feira (22), durante o 1º Fórum Alagoano pela Competitividade , as ações desenvolvidas por sua gestão para fortalecer Alagoas e fazer do Estado polo importante da economia. Os investimentos passam por áreas como a infraestrutura, fortalecida a partir de parcerias.

O empresariado presente ao evento, promovido pelo Movimento Alagoas Competitiva (MAC), teve acesso a um levantamento detalhado traduzido pelo próprioGoverno do Estado, que reforça a importância de políticas públicas planejadas para potencializar a economia alagoana.

“Digo que com políticas públicas planejadas, eficazes e continuadas, e produtividade pessoal, potencializamos também a economia de um povo”, reforça Renan Filho.

Na infraestrutura, o governador citou medidas de sua gestão que priorizam o saneamento básico, duplicação de rodovia e obras do Canal do Sertão como importantes para aumentar a competitividade de Alagoas.

“Vamos investir também na ampliação de gasodutos, novos distritos industriais e conjunto de ações na capital que vão focar o saneamento básico. Sem esquecer do abastecimento de água, com ênfase no Semiárido”, acrescenta o governador.

Sobre as ações que possam culminar no avanço do Estado para a competitividade, Renan Filho avaliou que os governos federal e estadual não dispõem de recursos suficientes e, uma alternativa viável é a busca por parcerias. “Vamos dar outra saída; partiremos para as parcerias público-privadas, que é o caminho do Brasil”, disse.

Ações na Segurança Pública, com o reforço no policiamento na capital e no interior, por meio da implantação dos Centros Integrados de Segurança Pública (Cisp), e na Saúde, com a construção de hospitais e descentralização de serviços, foram citadas pelo governador no evento.

“Nós temos que fazer esgotamento sanitário com parceria público-privada. Só tem esse jeito. Temos dois contratos sendo tocados na capital. Em dois anos, caso a gente consiga os R$ 350 milhões, vamos ter feito sete vezes mais do que foi feito nos últimos 15 anos em investimento em esgotamento na capital”, declara.

Veja também  Iteral amplia campanha de conscientização para que agricultores liquidem dívida

O governador diz ter como meta, também, fazer investimentos em áreas prioritárias sem endividar o Estado. “Nossa despesa com pessoal caiu bastante. Alagoas sempre foi um Estado que teve historicamente despesas mais elevadas. Hoje não estamos mais nessa posição. Já fomos o Estado mais endividado; hoje somos o quinto. Melhoramos e vamos avançar mais”, reforça o governador.

Sobre a Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal), Renan Filho relata que os investimentos continuarão na autarquia. “A Casal é a nossa empresa de esgotamento, que há trinta anos sempre deu prejuízo. Após um forte ajuste fiscal, na nossa gestão, reduzimos o prejuízo do órgão para R$ 26 milhões e, no ano passado, foram R$ 6 milhões de lucro”, lembrou Renan Filho.

Outra ação importante para o desenvolvimento do Estado citada por Renan Filho é o Conecta Alagoas, com vertentes que vão priorizar a duplicação de rodovias e aproximar os polos de desenvolvimento do Estado.

“Aqui, em Alagoas, a gente precisa urgentemente ligar Maceió a Arapiraca. Já iniciamos o trecho da Barra de São Miguel a São Miguel dos Campos e, em setembro, iniciaremos de São Miguel dos Campos a Arapiraca. Além disso, vamos duplicar de São Sebastião a Arapiraca. Isso vai fazer com que tenhamos competitividade com a melhoria da nossa infraestrutura, aproximando dois polos de desenvolvimento em Alagoas, a capital com o Agreste”, acrescentou.

Para crescer é preciso investir em Educação. Na visão do governador, é necessário apresentar ações que passam pela primeira infância, fortalecimento das unidades de ensino, a partir da implantação e ampliação das escolas em tempo integral e valorização dos servidores públicos.

Fonte: Agência Alagoas
Compartilhe: