Trabalho vai divulgar Juventude Empreendedora nos municípios alagoanos

Texto de Pinehas Furtado

O Programa Juventude Empreendedora, executado pela Secretaria de Estado do Trabalho e Emprego, será um dos temas debatidos no 2º Fórum de Gestores de Juventude, a ser realizado nesta quina-feira (18), a partir das 8h, no auditório Lauthenay Perdigão, no Estádio Rei Pelé.

Convidados do evento promovido pela Secretaria de Lazer, Esporte e Juventude (Selaj), os gestores dos municípios alagoanos vão ter a oportunidade de entender um pouco mais sobre o alcance e os benefícios do programa para os jovens do Estado.

“Vamos apresentar os números alcançados até agora, mostrar a metodologia interativa e de fácil compreensão para o aluno e de como consolidar a parceria para aqueles municípios que, por ventura, ainda não tenham sido apresentados ao programa”, declarou Anunciada Costa, gerente de Empreendedorismo e Economia Solidária.

Também irá participar da apresentação o mobilizador da empresa Wilivro, executora do projeto Juventude Empreendedora, Wallison Hariel. Ele falará dos casos de sucesso do Juventude Empreendedora no país.

“Temos trabalhos muito interessantes de jovens que transformaram uma ideia em um bom negócio e hoje estão conseguindo gerar renda para a família e até emprego para terceiros”, afirmou Hariel.

Para o secretário do Trabalho, Arthur Albuquerque, eventos como este proporcionam  oportunidades para que os gestores compreendam a relevância do programa para os jovens.

“A Sete estará sempre à disposição da sociedade para divulgar não somente o Juventude Empreendedora, mas toda e qualquer política pública difundida pelo Governo de Alagoas, cuja ação tenciona a atender os anseios da população alagoana”, destacou.

Veja também  Escolas visitam o Corpo de Bombeiros durante Semana da Criança

Projeto
O projeto envolve cinco mil jovens que receberão capacitação de 160 horas em empreendedorismo. Visa dar oportunidade ao jovem de se tornar dono do próprio negócio, ampliando as condições de crescimento na renda e na realização pessoal.
Os jovens serão selecionados entre 18 e 29 anos de todo o Estado. Para participar, o candidato deve estar cursando o último ano ou ter o ensino médio completo.
Após a fase de seleção, os jovens vão participar de uma capacitação e qualificação em empreendedorismo. Em seguida, eles deverão apresentar um plano de negócio de acordo com a realidade de cada um. 10% desses planos de negócios serão escolhidos por uma comissão nomeada pela Secretaria do Trabalho.

Cerca de 500 projetos mais viáveis estarão recebendo assistência técnica através do Sebrae Empreendedor Individual – SEI  e vão receber  por parte da Desenvolve – Agência de Fomento do Estado – um aporte financeiro a partir de R$ 500 até R$ 15 mil reais, que sejam necessários para o negócio.

Para se inscrever, basta acessar a página trabalho.al.gov.br e clicar no banner do Juventude Empreendedora.

Fonte: Agência Alagoas

Compartilhe: