Rui Palmeira recebe reitora da Ufal para debater parcerias

O fortalecimento da parceria entre a Prefeitura de Maceió e a Universidade Federal de Alagoas (Ufal) foi pauta, nesta terça-feira (14), durante reunião entre o prefeito Rui Palmeira e Valéria Correia, reitora da instituição de ensino. O encontro foi no gabinete do prefeito, no bairro da Pajuçara.

Entre as demandas da reunião, destaque para a Bienal do Livro 2017 e a criação da Orquestra Pedagógica da Ufal em parceria com o Município. “A Prefeitura apoiou a Bienal nos últimos anos, uma realização das Ufal que é um grande sucesso, e já garantimos o apoio para este ano. Na nossa gestão criamos o Vale Livro, que dá acesso aos alunos e professores do Município para adquirir publicações durante o evento e queremos ampliar as possibilidades. A Prefeitura está de portas abertas”, disse Rui.

“Quero parabenizar a reitora por estar também buscando alternativas extra campus, levando a Universidade para fora, além dos muros, para dialogar e beneficiar a população”, acrescentou o prefeito.

A reitora da Ufal, Valéria Correia, destacou que a parceria entre a Prefeitura e a Universidade tem sido bastante proveitosa. “Essa parceria na Bienal já é tradicional. Para este ano, vamos tratar do bicentenário de Alagoas, o que vai interessar todos os alagoanos, bem como aos maceioenses. Também trouxemos a proposta de integração de espaços para desenvolver atividades culturais, a exemplo da Praça da Faculdade e do nosso Museu de História Natural. Não é a primeira vez que venho até a Prefeitura. Esta parceria é estabelecida também na área da Saúde e felizmente tem sido profícua”, pontuou a educadora.

Veja também  Educação lança edital do II Encontro Estudantil da rede pública estadual

“Estamos reestruturando a nossa orquestra sinfônica e a ideia é democratizar cada vez mais o acesso, tanto da sinfônica, como na orquestra pedagógica. Esta última tem como objetivos integrar e acolher os estudantes de música da Ufal, além de desenvolver concertos didáticos nas escolas municipais para que os estudantes tenham acesso também à música erudita“, detalhou a pró-reitora de Extensão da Ufal, Joelma Albuquerque.

A reunião contou ainda com as presenças do secretário municipal de Comunicação, Clayton Santos, do secretário-adjunto de Educação, João Barbirato, e do presidente da Fundação Municipal de Ação Cultural (Fmac), Vinícius Palmeira.

Eberth Lins e Bárbara Tenório/Secom Maceió

Compartilhe: