Circuito Inclusivo marca Dia de Luta da Pessoa com Deficiência

O Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência será comemorado nesta quinta-feira (21). Com o tema ‘Deficiente é o seu Preconceito’, a Coordenação dos Direitos da Pessoa com Deficiência da Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas) fará uma mobilização para sensibilizar a população. Um Circuito Inclusivo realizado no Calçadão do Comércio, a partir das 9h, pretende chamar a atenção para a causa.

Durante toda a manhã acontecerão diversas atividades. O Circuito Inclusivo fará as pessoas vivenciarem as dificuldades das pessoas com deficiência e também haverá apresentações culturais de pessoas com deficiência, orientações sobre o Benefício de Prestação Continuada (BPC) e outros serviços destinados à PcD e uma oficina de Língua Brasileira de Sinais (Libras). A programação acontece das 9h às 12h.

De acordo com o Censo 2010, mais de 45 milhões de brasileiros possuem pelo menos um tipo de deficiência, representando quase um quarto da população. Segundo a coordenadora dos Direitos da Pessoa com Deficiência da Semas, Analina Calheiros, no dia nacional de luta a mobilização terá o em foco fazer com que a sociedade sinta na pele as dificuldades das pessoas com deficiência. “É uma forma de divulgar e incentivar sociedade em geral a lutar pelas causas das pessoas com deficiência”, destacou.

Veja também  Recursos deferidos beneficiaram 695 motoristas em 2016

O evento tem a parceria do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência(CMDPD), da Associação Pestalozzi de Maceió, da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae), Associação dos Amigos e Pais de Pessoas Especiais (AAPPE/Ires), Coordenação do BPC /Semas, Pam Salgadinho,  Família Alagoana Down  (Fandown), Centro Inclusivo Genilda Porto/ Pestalozzi, Associação dos Cegos de Alagoas (Acal), Escola Estadual de Cego Cyro Acciolly e Fundação Casa do Especial (Funcae)

O Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência foi instituído por iniciativa de movimentos sociais, em 1982, e oficializado pela Lei Nº 11.133, de 14 de julho de 2005. A data foi escolhida para coincidir com o Dia da Árvore, representando o nascimento das reivindicações de cidadania e participação em igualdade de condições.

Vanessa Napoleão/ Ascom Semas

Compartilhe: