Cras promovem inclusão e qualidade de vida para idosos

Diariamente, os Centros de Referência de Assistência Social (Cras) da Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas) oferecem diversos serviços à população. Nos grupos do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), localizados nesses equipamentos, jovens, idosos e mulheres têm acesso a informação, lazer e cultura, sempre focando na efetivação de direitos.

O Cras Santos Dumont atende idosos da região com atividades diversas. Na unidade, foi criada uma horta para que idosos possam cultivar e cuidar e despertem a consciência ambiental. Segundo a educadora social do equipamento social, Dora Silva, a horta foi plantada com a ajuda de duas voluntárias do Instituto Federal de Alagoas (Ifal), Campus Satuba. “A horta foi plantada num espaço do Cras. Lá tem hortelã, agrião, manjericão e outras plantas próprias para chás. Os idosos gostam muito de cuidar da horta”, disse.

Para a secretária de Assistência Social de Maceió, Celiany Rocha, o Serviço de Convivência tem essa função de incluir socialmente, promover qualidade de vida e o acesso aos direitos. “A horta é mais um atrativo para os idosos da região conhecerem o trabalho voltado para eles que é realizado no Cras. Participando das atividades do Serviço de Convivência, eles também fazem novos amigos,  divertem-se juntos e têm uma vida em comunidade”,  destacou Celiany.

Veja também  Vai viajar neste feriado? Saiba como se preparar para evitar contratempos

Além dessa atividade, os idosos do Cras Santos Dumont participam de palestras para conhecer seus direitos e sobre saúde, oficinas e atividades físicas. O grupo do Serviço de Fortalecimento de Vínculos para idosos acontece às quintas-feiras na unidade. Os idosos da região que quiserem participar devem se dirigir ao  Centro de Referência de Assistência Social Santos Dumont, que funciona na Rua Roldão de Siqueira Fortes, 710, no Conjunto Santos Dumont.

Vanessa Napoleão/Ascom Semas

Ascom Semas

Compartilhe: