Em dois meses, Slum registrou 584 denúncias no setor de fiscalização

A coordenação de fiscalização da Superintendência de Limpeza Urbana de Maceió (Slum) registrou em agosto e setembro deste ano, 584 demandas ao setor. Dentre o número, estão processos, notificações e autos de infrações.

Somente em agosto, foram 130 denúncias de descarte irregular, 43 ações contra terrenos particulares, e 02 veículos flagrados fazendo descarte irregular. Neste mês, foram 240 demandas, das quais 145 já foram resolvidas.

Gráfico com as ações de fiscalização de agosto. Imagem: Fiscalização Slum

Gráfico com as ações de fiscalização de agosto. Imagem: Fiscalização Slum

Em setembro, foram 227 denúncias de descarte irregular, 72 ações contra grandes geradores, 21 ações contra terrenos particulares, além de 05 veículos flagrados fazendo descarte irregular. Neste mês, foram 344 demandas, das quais 125 já foram resolvidas.

Gráfico com as ações de fiscalização de setembro. Imagem: Fiscalização Slum

Gráfico com as ações de fiscalização de setembro. Imagem: Fiscalização Slum

Davi Maia, gestor da Slum, comenta sobre a importância das ações de fiscalização do órgão. “Nossos fiscais estão diariamente nas ruas para coibir o descarte irregular, seja individual ou de grandes geradores. Mas reforço que a contribuição da população é indispensável. Seja um fiscal junto com a Slum”, disse.

Central de Limpeza

Para fazer denúncias, solicitar serviços e tirar dúvidas, o cidadão pode entrar em contato com a Slum pelo 0800 082 2600. Além do WhatsApp: 9 8802-4834. A Central funciona de segunda a sexta, das 8h às 17h.

Veja também  Defesa Civil divulga balanço de ocorrências e volume de chuva

Ascom Slum

Compartilhe: