Influenza: Saúde reforça chamamento para imunização

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) vem reforçando, por meio da Gerência de Imunização, o chamamento da população para a Campanha de Vacinação contra a Influenza, que continua a ser realizada pelo Município – nas unidades de saúde e com postos fixos em locais de grande movimentação – até o dia 1º de junho.

A campanha tem como meta vacinar 90% do público-alvo estabelecido pelo Ministério da Saúde, o que corresponde, em Maceió, a um total de 226.740 pessoas. De acordo com a Gerência de Imunização da SMS, foi atingido, até o momento, um percentual de 53,21% dessa população.

Embora ainda haja muitos mapas vacinais para serem atualizados dentro do Sistema de Informações da Vacinação, a população precisa estar atenta para garantir sua dose de imunidade, pois dos 19 casos notificados da doença no Município, 14 já foram confirmados, com o registro de um óbito.

Neste caso específico, no entanto, vale ressaltar que o paciente, internado em um hospital particular de Maceió, realizou os exames adequados aos sintomas apresentados e iniciou o tratamento com o medicamento Tamiflu, conforme protocolo estabelecido pelo Ministério da Saúde. Mesmo recebendo os cuidados necessários, o paciente – que fazia parte do grupo de risco e possuía comorbidades – não apresentou melhora clínica, evoluindo para óbito.

“A campanha tem como objetivo reduzir as complicações, internações e mortalidade decorrentes das infecções pelo vírus no público-alvo, que apresenta um quadro de maior suscetibilidade à doença. Ou seja, a palavra de ordem é prevenção. Temos tido uma boa procura nas unidades de saúde, mas é preciso que as pessoas se mobilizem o quanto antes para garantir sua imunidade contra a doença”, afirma a gerente de Imunização do município, Eunice Amorim.

Estão inseridos no grupo prioritário pessoas a partir 60 anos de idade, crianças de seis meses e menores de cinco anos de idade, gestantes em qualquer idade gestacional, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas, a população privada de liberdade e os funcionários do Sistema Prisional. Além desses, também integram o grupo – mas precisam apresentar documentação para comprovar a sua condição – as puérperas até 45 dias após o parto, trabalhadores da saúde, professores das escolas públicas e privadas, os portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais.

Veja também  Confira a programação da Seminfra para esta sexta-feira

Durante a campanha, as vacinas estarão disponibilizadas, de segunda a sexta-feira, em todas as salas de vacina das unidades do município. Além das unidades, as vacinas também estarão disponíveis em postos fixos no Maceió Shopping (Mangabeiras), Shopping Pátio Maceió (Benedito Bentes) e Parque Shopping Maceió (Cruz das Almas), das 10h às 21h. A loja Carajás Home Center, no Tabuleiro, também será um posto de vacinação, das 8h às 20h.

Durante o final de semana, a vacinação na capital alagoana ficará restrita aos postos fixos nos três shoppings da cidade, na loja Carajás Home Center (Tabuleiro) e ainda no Walmart Gruta (antigo Hiper Bompreço), que também passou a oferecer a oportunidade de imunização para as pessoas que participam dos grupos prioritários, mas não têm como se dirigir às unidades ou postos fixos durante a semana.

No sábado (19), os postos fixos do Shopping Maceió (Mangabeiras), Parque Shopping (Cruz das Almas) e Pátio Shopping (Benedito Bentes) funcionarão no mesmo horário, das 10h às 21h. O Walmart Gruta disponibilizará as vacinas das 8h às 20h e na Carajás, a equipe de vacinação estará das 10h às 16h.

No domingo (20), os shoppings terão equipes de imunização das 14h às 20h e na Carajás Home Center, o posto fixo funcionará mais uma vez das 10h às 16h. Não haverá vacinação no Walmart neste dia.

Ascom SMS

Compartilhe: