Rede de Pessoas Vivendo com HIV/Aids comemora Dia da Mulher

A Rede Nacional de Pessoas Vivendo com HIV/Aids em Alagoas (RNP+Alagoas) promove, na próxima sexta-feira (16), uma comemoração alusiva ao Dia Internacional da Mulher, celebrado no último dia 8 de março. A atividade será realizada no horário das 09h às 16h, no SESC Guaxuma.

A comemoração terá início às 9h30 com a chegada e a recepção dos participantes com a apresentação do grupo folclórico SESC Alagoas. Logo em seguida, a enfermeira obstetra da SMS, Suely Rodrigues, ministrará uma palestra sobre qualidade de vida de pessoas vivendo com HIV/Aids.

Seguindo a programação, às 11h, a festa será animada com uma apresentação cantada pelo grupo e o representante da RNP+Alagoas, Roberto Marinho fará os agradecimentos em nome da rede.

“Essa iniciativa busca promover maior integração entre os participantes e resgatar a autoestima das pessoas atendidas pela rede”, destacou Roberto Marinho, representante da RNP+Alagoas.

Ao meio-dia, os participantes seguem para o almoço e durante o período da tarde eles participam de um momento de lazer com hidromovimentação.

A Rede

A Rede de Pessoas Vivendo com HIV/Aids é um movimento nacional que foi iniciado em 1995 e reúne pessoas soropositivas para o HIV. Sua atuação é voltada a proporcionar aos portadores do vírus HIV/Aids a oportunidade de se tornarem os principais protagonistas da história de luta contra a doença no país, conhecendo seus direitos e deveres enquanto cidadãos e também os mecanismos de políticas públicas de saúde.

Veja também  Fiscalização do abastecimento de carros-pipa é intensificada

Em Maceió, o tratamento de pessoas com HIV é realizado pelo PAM Salgadinho, pelo Hospital Escola Hélvio Auto (antigo HDT) e pelo Hospital Universitário. No PAM Salgadinho, esse atendimento é feito pelo Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA), que funciona no bloco I.

Ana Cecília da Silva – Ascom/SMS

Compartilhe: