Saúde publica errata ao edital de seleção para a pesquisa Viva 2017

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS), por meio da Gerência de Doenças e Agravos Não Transmissíveis, publicou nesta quinta-feira (27), no Diário Oficial do Município, uma errata ao edital do Processo Seletivo Simplificado, publicado no último dia 20 de julho, em relação ao resultado final da seleção de estudantes para a realização da Pesquisa Vigilância de Violências e Acidentes em Serviços Sentinela – VIVA Inquérito 2017.

O edital oferece 12 vagas e o resultado final do processo seletivo será divulgado no dia 04 de agosto no site da Secretaria Municipal de Saúde. Serão contratados os estudantes que forem aprovados na segunda etapa do processo seletivo que ocorre nos dias 16 e 17 de agosto por meio de uma capacitação no Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest) do Estado, localizado no bairro do Poço.O resultado parcial dessa segunda etapa será publicado no dia 23 de agosto.

 A pesquisa

O Sistema de Vigilância de Violências e Acidentes (VIVA) foi implantado em 2006 com o objetivo de coletar dados e gerar informações sobre violências e acidentes para subsidiar políticas em saúde pública direcionadas a estes agravos, buscando preveni-los.

Veja também  SMS implanta sistema de controle de chamados técnicos

A pesquisa tem o objetivo de caracterizar as vítimas de violências e acidentes atendidas em serviços de urgência e emergência, descrevendo o perfil epidemiológico dessas pessoas de acordo com aspectos demográficos, tipos de violência e acidentes, circunstâncias, natureza das lesões, evolução do atendimento e fatores de risco e de proteção associados à ocorrência de violências e acidentes. O trabalho pretende propor medidas específicas de vigilância e prevenção de violências e acidentes e de promoção da saúde e cultura da paz.

Ana Cecília da Silva – Ascom/SMS

Compartilhe: