Semas apoia campanha de capacitação de jovens em acolhimento

A Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas) está apoiando a campanha “Amigos da Infância e Juventude”, promovida pela Associação Alagoana de Magistrados (Almagis). O projeto vai beneficiar jovens em acolhimento institucional  com cursos profissionalizantes.

O projeto faz parte da Comissão da Infância e Juventude, composta pelos juízes Carlos Cavalcanti, Fatima Pirauá e Marina Gurgel, e tem o objetivo de capacitar adolescentes entre 16 e 18 anos, oferecendo cursos profissionalizantes para, que ao saírem das unidades de acolhimento, consigam um espaço no mercado de trabalho. O projeto também firmará parcerias com empresas atuantes no Estado para que esses jovens possam desenvolver suas habilidades.

De acordo com Celiany Rocha, secretária de Assistência Social de Maceió, essa iniciativa da Almagis é especial porque tem o objetivo de mudar o futuro dos meninos e meninas que vivem nos abrigos.  “Ao completar a maioridade, esses jovens têm que sair das unidades de acolhimento. No abrigo da Semas, Acolher, temos dois jovens que irão completar 18 anos. Eles já fizeram cursos de soldador  e pedreiro. Ensinar uma profissão é pensar no futuro melhor para eles. Alguns descobrirão uma vocação que nem imaginavam que possuíam”, disse.

Veja também  Prefeito entrega reforma da USF Caic Virgem dos Pobres nesta sexta

De acordo com o presidente da Almagis, juiz Ney Alcântara, a campanha é uma oportunidade de resgatar os valores e autoestima de jovens que vivem nos abrigos. “Esses adolescentes institucionalizados, ao completar 18 anos, terão que deixar o abrigo sem nenhuma expectativa de trabalho. A intenção do projeto é prepará-los para que tenham mais condições de concorrer a uma vaga no mercado de trabalho e possam se sustentar. A Almagis atuará para oferecer toda a estrutura necessária”, destacou o magistrado.

Segundo a juíza Fátima Pirauá, um dos objetivos da campanha é unir o serviço público com o empresariado para mudar a história dessas crianças e adolescentes. “Queremos dar autonomia e capacitar esses jovens para que eles tenham condições de ingressar no mercado de trabalho quando sair das unidades de acolhimento”, ressaltou.

O lançamento da Campanha “Amigos da Infância e Juventude” aconteceu  na sede da Almagis, no Centro, e contou com a participação de  empresários de diversos ramos e representantes de órgãos que atuam com crianças e adolescentes.

Vanessa Napoleão/ Ascom Semas

Compartilhe: