Semtur participa do Congresso Brasileiro de Síndrome de Down

A Secretaria Municipal de Turismo (Semtur) levou sua equipe entre os dias 26, 27 e 28 de outubro ao Centro Cultural e de Exposições Ruth Cardoso para realizar atendimento turístico no VIII Congresso Brasileiro sobre Síndrome de Down.O evento trouxe quase 3 mil pessoas a Maceió e contou com a realização de mais de 118 palestras sobre saúde, educação e direitos das pessoas com Síndrome de Down. Além do serviço de informação, a equipe da Semtur distribuiu mapas da cidade e guias de restaurantes e bares da Abrasel.

Ttrinta jovens do instituto Amor 21, que trouxe o congresso à capital, também prestaram atendimento turístico aos participantes, ação possibilitada por meio de uma parceria entre a Semtur e o Amor 21 firmada em agosto para capacitá-los a informar sobre os atrativos turísticos da cidade.Essa foi mais uma iniciativa que a Semtur fez este ano para qualificar pessoas com Síndrome de Down e aproximá-las do mercado do turismo. Em junho a Semtur já levou uma apresentação sobre os atrativos turísticos de Maceió a alunos do Instituto Amor 21, ação desenvolvida em parceria com o Maceió Convention Visitors Bureau e o Sebrae. Em outubro a Semtur também realizou uma edição especial do Turismo do Saber com os jovens do Amor 21, levando-os a conhecer e aprender sobre os pontos turísticos da capital, assim como a gastronomia, cultura e o artesanato da cidade.

Veja também  Rajadas de vento provocam quedas de árvores em Maceió

O evento

Na programação do VIII Congresso Brasileiro sobre Síndrome de Down, que contou com a participação de renomados profissionais de todo País, foram realizados minicursos, fóruns, oficinas, palestras, conferências e rodas de conversas, abordando os mais variados temas de interesse das pessoas com Síndrome de Down, assim como seus familiares e a sociedade, para despertar para a importância da inclusão.

Alguns dos temas tratados no congresso foram empoderamento para pessoas com Síndrome de Down, inclusão escolar, Inclusão educacional no ensino superior, nutrição em Síndrome de Down e inclusão de pessoas com qualquer tipo de deficiência no mercado de trabalho.

Maria Gabriela Lyra / Ascom Semtur

Compartilhe: