Operação conjunta combate transporte irregular de produtos perigosos

Texto de Elayne Pontual

O Instituto do Meio Ambiente (IMA-AL) participou, nesta segunda-feira (13), de uma operação conjunta entre órgãos federais e estaduais para o combate a transportes irregulares de produtos perigosos. A ação, que faz parte do Plano Nacional de Prevenção, Preparação e Resposta Rápida a Emergências Ambientais com Produtos Químicos Perigosos (P2R2), aconteceu em São Miguel dos Campos.

Ao IMA, coube verificar a validade da Autorização para Transporte de Produto Perigoso (ATTP) ou a Autorização para Transporte de Resíduo Perigoso (ATRP); kit de emergência; placas indicativas do produto transportado e placas de sinalização para a estrada; ficha de emergência do produto; Movimentação Operacional de Produtos Perigosos (MOPP) – curso exigido para o motorista; nota fiscal do produto; extintores dentro e fora do veículo.

Segundo Genival Pulcino da Silva, da fiscalização do IMA, o órgão lavrou um auto de infração com multa no valor de R$ 12.145,00. “Pegamos um caminhão tanque que transportava gasolina. O veículo estava sem a ATTP”, contou o fiscal.

A operação reuniu a Polícia Rodoviária Federal (PRF), Corpo de Bombeiros Militar de Alagoas (CBM/AL), Vigilância Sanitária, Secretaria de Saúde do Estado, Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), IMA e Defesa Civil.

Veja também  Misa Acústico apresenta espetáculo Água e Vinho

O objetivo da fiscalização integrada é diminuir os riscos de acidente de trânsito envolvendo transportes de produtos perigosos e evitar danos ao meio ambiente.

Fonte: Agência Alagoas

Compartilhe: