Cartilha explica reajuste dos planos de saúde

Publicação do IESS apresenta, de modo claro e didático, principais aspectos sobre o tema

dino

De modo didático, a cartilha também traz gráficos e ilustrações que envolvem o tema, apresentando especificidades do setor de modo eficiente e educativo

São Paulo, SP, 03/05/2019 –

O Instituto de Estudos de Saúde Suplementar (IESS) entende que empoderar o beneficiário, municiando-o com informações, é fundamental para o desenvolvimento do setor de saúde suplementar no País. Exatamente por isso, um dos temais primordiais nesse contexto é o de reajustes dos planos de saúde. Com isso em mente, a entidade acaba de lançar a cartilha “Reajuste dos Planos de Saúde”, que traz um manual simples para a compreensão do público em geral sobre o tema.

Mesmo com os índices de reajustes por faixa etária estarem previstos expressamente em contrato e com regras definidas pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), o assunto ainda é alvo de debate por diferentes envolvidos do setor. Portanto, informação de qualidade protege tanto os usuários da saúde suplementar como os demais agentes dessa cadeia.

Para esclarecer de forma clara a questão, a publicação apresenta diversos aspectos relacionados com o setor, como os importantes conceitos do mutualismo, das faixas etárias dos planos, pacto intergeracional e regime financeiro de repartição simples.

A cartilha traz, de maneira clara, as formas de reajuste: por custo; por faixa etária; e por sinistralidade. Explicando, por exemplo, questões que envolvem o estatuto do idoso. Vale lembrar que uma das principais regras fixadas pela ANS consiste na proibição de que o valor da última faixa etária seja superior a seis vezes o valor da primeira faixa.

O material também detalha as principais características dos planos de saúde individual/familiar, coletivos por adesão e coletivos empresariais. Sendo assim, o consumidor consegue visualizar facilmente as diferenças entre cada modalidade. Além disso, mostra como boas práticas podem auxiliar a conter o avanço das mensalidades dos planos. O uso consciente beneficia a todos e pode até diminuir os reajustes.

De modo didático, a cartilha também traz gráficos e ilustrações que envolvem o tema, apresentando especificidades do setor de modo eficiente e educativo. O material é, portanto, de fácil compreensão para diferentes públicos: beneficiários, empresas, departamentos de Recursos Humanos, seguradoras e demais interessados.

A cartilha “Reajuste dos Planos de Saúde” está disponível na área de Estudos Especiais do portal do Instituto de Estudos de Saúde Suplementar (IESS). Confira – https://www.iess.org.br/?p=publicacoes&id_tipo=15

Website: http://www.iess.org.br

Compartilhe: