--Publicidade--

Sarampo é um tipo de complicação viral perigosa, mas fácil de ser contida. O Sarampo é uma doença que pode causar a morte de pessoas cujo sistema imunológico é fraco. As crianças por exemplo, como o sistema imunológico das mesmas está em processo de evolução, neste caso o Sarampo pode causar a morte dos pequenos se não houver tratamento adequado para conter a doença.

Existem uma série de métodos para combatermos o Sarampo, a vacina por exemplo é o suficiente para inibir a ação desta complicação. No Brasil, algum tempo atrás o Sarampo foi motivo de preocupação nacional, com o passar do tempo, e na medida que a vacina surgiu, o Sarampo tornou-se uma complicação simplória, pois a imunidade vacinal é suficiente para conter o vírus.

--Publicidade--

Sintomas de Sarampo: tratamento e prevenção
Sintomas do Sarampo

A transmissão do Sarampo ocorre semelhantemente à transmissão de outras doenças, como é o caso da gripe por exemplo. Basta haver o contato direto de secreções através da tosse ou espirro por exemplo, para que assim então ocorra a transmissão da doença.

O Sarampo apresenta alguns sintomas, e com base nesses sintomas, dá para se fazer um diagnóstico prévio da doença. Além da manifestação dos sintomas, iremos falar também de como se prevenir da doença, e como tratá-la, se logicamente houver a constatação efetiva.

Erupções cutâneas, febre e dor de cabeça: A erupção na pele é um dos principais sintomas de Sarampo, essas erupções ocorrem nas mais variadas partes do corpo, ela pode tomar proporções maiores se o Sarampo evoluir de estágio. Neste caso,  pode ser que haja o surgimento do avermelhamento da pele no corpo todo.

Pode ocorrer ainda a presença de febre, a febre pode ser mais leve, mas em alguns casos ela pode ultrapassar os 40 graus. Por fim, o Sarampo pode desencadear uma outra anormalidade, que é a dor de cabeça. Essa dor de cabeça pode  variar de intensidade, outra curiosidade é que é pouco provável que ocorra a manifestação exclusiva da dor de cabeça; ou seja, se ela se manifestar, outros sintomas de Sarampo também devem se manifestar.

--Publicidade--

Via respiratórias inflamadas e mal-estar: O Sarampo pode inflamar as vias respiratórias, e com isso, respirar pode se tornar algo difícil em algumas situações. Além de ocorrer tal  inflamação, ainda pode haver a manifestação de secreções (catarro). O Sarampo pode ainda deixar o corpo cansado, provocando assim um mal-estar geral no corpo todo.

Dentre todos os sintomas de Sarampo mostrados anteriormente, apenas as erupções podem ocorrer isoladamente, sem a presença de outros sintomas respectivamente. Neste caso, é basicamente impossível que ocorra só febre, só dor de cabeça, ou qualquer outro sintoma isoladamente falando.

Diagnóstico, tratamento e prevenção do Sarampo

Se os sintomas citados anteriormente ocorrerem, busque a ajuda de um especialista o mais breve possível, principalmente se for a erupção na pele. Não há como tratar o Sarampo diretamente falando, o que o médico indicará são medicamentos para combater os sintomas especificamente falando.

Por exemplo, se houver erupções na pele, o médico indicará um medicamento para tal; se houver dor de cabeça, o profissional de saúde irá indicar um  medicamento para combater esta mesma complicação. Ou seja, os sintomas é que serão combatidos, ao invés da doença propriamente dita.

O meio de prevenção do Sarampo é através da vacinação, todo recém-nascido deve tomar a vacina contra o Sarampo. Verifique se o seu cartão de vacina ou o cartão do teu filho está atualizado, caso falte a dose da vacina  contra o Sarampo, procure um posto de saúde o mais breve possível, visto que o governo oferece gratuitamente a vacina para combater o Sarampo.

No caso da transmissão da doença, é possível ficar imune evitando frequentar ambientes fechados com pouca circulação de ar. Esse tipo de ambiente é ideal para transmitir o Sarampo e outras doenças no mesmo campo semântico. Porém se você ou seu filho estiver imunizado, é impossível contrair o Sarampo, meso convivendo com um indivíduo que tenha a doença.

--Publicidade--

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui